Cartéis

Cartéis

O cartel é uma proposição da Escola fundada por Lacan, lugar privilegiado de formação e transmissão da psicanalise, considerado a célula básica  de uma Escola. Sua estrutura é modo de funcionar visa exercitar o discurso analítico, única garantia possível de que haja formação psicanalítica em uma Escola, onde cada um é responsável tanto pela sua formação, quanto pela Escola.

Na própria definição da palavra cartel, cardo, dobradiça, lugar de passagem, encontramos sua função essencial, trata-se de sustentar o desejo que está, estruturalmente sempre em outro lugar nomeado Campo Freudiano por Lacan.

É na "Ata de Fundação da Escola Freudiana de Paris" (1964), que Lacan define o cartel como lugar de admissão na Escola: "Aqueles que vierem a esta Escola se comprometerão a realizar uma tarefa submetida a um controle interno e externo. Será a eles assegurado em contra partida, que nada se poupará para que tudo o que façam de valioso tenha a repercussão que merece no lugar que lhe convenha. Para a execução desse trabalho adotaremos o princípio de uma elaboração baseada num pequeno grupo, cada um deles( e temos um nome para designar esses grupos) será composto por 3 pessoas, no mínimo é por cinco no máximo, quatro é a medida certa, mais uma, encarregada da seleção, da discussão e do destino reservado ao trabalho de cada um".

É dentro dessa perspectiva que a Escola Lacaniana de Psicanálise - Brasilia propõe o cartel como forma peculiar de estudar e trabalhar os temas pertinentes à psicanálise .

Atualmente, temos os seguintes cartéis registrados na Escola:

carteis1 1) A Identificação
- Claudio Barra (mais-um)
- Marina Sales
- Sizue Imanishi
- Tiago Jester
- Wadson Damasceno
carteis2  2) A Relação de Objeto
- Alba Escalante
- Ana Cláudia Ceolin (mais-um)
- Claudio Barra
- Ruber Leopoldino
- Sizue Imanishi 
carteis3 3) … Ou pior
- Ana Benjó (mais-um)
- José Mário Simil
- Marinela Marques Porto
- Rosangela Saraiva
- Sérgio Cwaigman Prestes
- Wadson Damasceno

Acompanhe-nos

Receba notícias da Escola

Contato

Endereço:
SEPS 714/914, Ed. Porto Alegre, Sala 228,  Brasília/DF - 70390-145 - Clique aqui e saiba como chegar.
Telefones:
+55(61)99982-4986 / 99976-5818 / 99654-5034 / 99272–5005 / 3242–5615 / 3345–0169